O RECONHECIMENTO NO RANKING DO BEST TEAM LEADERS 2017

separator

Nunca imaginou desempenhar o cargo que hoje desempenha: criar e liderar uma equipa de comunicação. Isabel Martins, Diretora-geral da Essência Completa – Marketing, Comunicação e Media foi reconhecida pela sua capacidade de liderança e gestão de equipa no Ranking do Best Team Leader 2017, um estudo promovido pela a Tema Central, em parceria com a Qmetrics e com o apoio institucional da Associação Portuguesa de Gestão das Pessoas e do Observatório Nacional de Recursos Humanos. “Não estava nos meus planos fundar uma empresa de comunicação. Sonhei ser jornalista, mas depois de exercer a profissão fiquei desiludida e quando decidi mudar de área surgiu um convite que mudou a minha carreira profissional” afirma Isabel Martins. Salientando, “é um privilégio representar num ranking de prestígio um setor ainda esquecido por muitos empresários”.

O DESAFIO DE DEMONSTRAR QUE A COMUNICAÇÃO DEVE SER DESENVOLVIDA POR PROFISSIONAIS

O “desprezo” que ainda existe pelos profissionais de Comunicação é um dos maiores desafios da área que representa. “Esta é uma disciplina não reconhecida. Ainda há a perceção de que pode ser desenvolvida por amadores” afirma, concluindo “quando conseguimos demonstrar aos clientes que a Comunicação tem de ser desenvolvida por profissionais é uma prova de que o nosso trabalho foi bem-sucedido”. Para a Diretora-geral da Essência Completa, “a liderança é aquela que é natural, que não sendo imposta é sentida”. E por isso, vê esta distinção como “o reconhecimento e o carinho da minha equipa que é a minha essência e o fator diferenciador da empresa”. Acrescentando, “devemos simplesmente agir com os colaboradores da mesma forma que gostaríamos que agissem connosco. Devemos ser os primeiros a dar o exemplo. Somos o primeiro da linha quando há dificuldades e o primeiro a embandeirar o sucesso”. Para esta líder, “dar o exemplo, motivar e trabalhar sempre em equipa de forma a que todos sintam o quanto são importantes na estrutura, é fundamental para o sucesso de qualquer organização. É primordial mostrar que são essenciais e que a ausência de alguém coloca em causa toda uma equipa.” Mas reforça que “para isso há que trabalhar primeiro o conceito de equipa”.

“A LIDERANÇA É AQUELA QUE É NATURAL, QUE NÃO SENDO IMPOSTA É SENTIDA”
– AFIRMA A DIRETORA-GERAL DA ESSÊNCIA COMPLETA

A carreira e o percurso de Isabel Martins falam por si. Benfiquista de coração é licenciada em Jornalismo Internacional, pela Escola Superior de Jornalismo e possui ainda a Formação Pedagógica de Formadores, integrado no Programa de Formação Empresarial de Quadros, da AEP – Associação Empresarial do Porto. Começou o seu percurso profissional como redatora no «O Comércio do Porto», vindo mais tarde a integrar os quadros da empresa MEDIANA, onde assumiu anos mais tarde a presidência do Conselho de Administração e a Direção-geral. Em 1997 assumiu o papel de adjunta do Presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso. Foi, e ainda é, docente na Escola Superior de Jornalismo, onde leciona a cadeira de Teorias e Técnicas de Relações Públicas. Entre 2000 e 2009 fundou e geriu a empresa Longoalcance. Em 2009 funda a empresa Essência Completa e assume a direção-geral e a gerência da mesma. Em 2016 integra a Direção da Associação Portuguesa de Profissionais de Comunicação, da qual é uma das sócias fundadoras.